Blog - Academia de Planejamento Financeiro

6 sinais de que você está se tornando um Planejador Financeiro Pessoal

Entender o planejamento financeiro e suas particularidades já faz parte da sua rotina. Você gosta do assunto e tem se aprofundado cada vez mais. Mas, será que está no caminho para se tornar um Planejador Financeiro Pessoal?

Confira abaixo 6 sinais de que você está se tornando um Planejador Financeiro Pessoal

 

1 – Amigos e familiares te consideram uma referência no assunto e sempre pedem conselhos.

Você fala sobre decisões financeiras mais eficientes com seus amigos, conversa com familiares sobre suas opiniões econômicas e quando menos imagina, está sendo consultado sobre qual é o melhor investimento, a tendência da taxa de juros ou o que observar no momento da compra de um imóvel. Ou seja, as pessoas não só admiram seu conhecimento, mas querem obter seus conselhos!

 

2 – Você adora pesquisar sobre o assunto “Finanças Pessoais” e melhorar seu próprio Planejamento.

Nas horas vagas, um de seus “hobbies” é aprimorar seu conhecimento em planejamento e finanças pessoais. Sempre acessa um blog de economia conhecido, tem livros sobre o assunto na cabeceira da cama ou busca novas formas de otimizar seus gastos. Você quer deixar seu próprio orçamento mais eficiente e está cada vez mais focado nisso.

 

3 – Você já aprendeu que cada caso é único e que não existe “receita de bolo” ou “fórmula mágica”.

Cada ser humano é único e isso se estende ao seu relacionamento com o dinheiro. Você entende que o bom planejamento financeiro é feito levando-se em consideração suas particularidades, desafios e comportamentos. Não há uma “receita de bolo” que serve para todos. Inclusive, começa a desconfiar bastante de sites ou artigos que tragam esse tipo de promessa, pois entende que um bom planejamento parte do princípio de que cada plano é único e personalizado.

 

4 – Você conhece as “armadilhas” do Mercado Financeiro e sabe os principais erros que as pessoas cometem.

Seu conhecimento vai além da experiência com o próprio orçamento. Já esteve em contato com o Mercado Financeiro e sabe dos conflitos de interesse que existem. Consegue diferenciar os produtos que são “caros” e sabe como evitá-los ou contorná-los. Este é um dos motivos pelo qual as pessoas confiam tanto em sua opinião, como dissemos no primeiro item. Afinal, você não tem conflito de interesse e pode dar uma opinião genuína do que acha melhor para aquela pessoa.

 

5 – Você passou por uma grande transformação na vida financeira e gostaria de proporcionar isso a outras pessoas.

Desde que começou a entender melhor as suas próprias finanças, você realizou grandes feitos. Pode ter sido a conquista de um patrimônio, uma viagem, a compra de um carro ou até mesmo a tranquilidade de não ter que ficar pensando em dinheiro ao se divertir, por exemplo. Isso mudou a forma como vive a sua vida e gostaria de usar sua experiência para ajudar outras pessoas a fazerem o mesmo.

 

6 – Você está em (ou quer uma) Transição de Carreira e percebe neste novo mercado uma grande oportunidade de empreender.

Aliada à vontade de ajudar outras pessoas, entende que poderia fazer desta uma profissão rentável e recompensadora. Começa a estudar formas de se especializar mais, criar sua metodologia e mostrar para seus futuros clientes que você tem muito valor para agregar-lhes com o conhecimento e experiência que já adquiriu em sua jornada.

 

Caso tenha se identificado com um ou mais itens da nossa lista, provavelmente já está dando os primeiros passos para se tornar um excelente Planejador Financeiro Pessoal!

Pode ser que no momento já tenha a vontade, mas também aquela insegurança de como fazer disso uma carreira promissora. Não se preocupe, é natural e faz parte do caminho!

O nosso propósito e nossa missão é justamente ajudar quem se encontra nessa fase. Acreditamos que esse é um profissional altamente necessário em nossa sociedade e que juntos podemos transformar a realidade brasileira.

Saiba mais sobre como se tornar um Planejador Financeiro Independente, acesse: http://academiagfai.com.br/formacao2018/

A carreira de Planejador Financeiro no Brasil: Desafios e Oportunidades

A carreira do Planejador Financeiro no Brasil está cheia de desafios e oportunidades de crescimento. Alguns profissionais já perceberam esse mercado em ascensão e estão em transição de suas carreiras para esta área, buscando equilibrar seu propósito de vida com uma vida financeira equilibrada.

Nesse artigo, quero abrir a “caixa de Pandora” do Planejador Financeiro Pessoal em nosso país e mostrar porque essa é uma das 8 profissões mais promissoras, segundo a Revista Veja.

Desafio: Nós não temos a cultura de contar com a ajuda de um Planejador Financeiro no Brasil.

A maior parte dos brasileiros não têm contato com a Educação Financeira, não planejam seus gastos e não conseguem fazer projeções para o seu futuro. A consciência da necessidade de ter um Planejador Financeiro não irá nascer da noite para o dia. Por isso, este é um desafio: demonstrar aos brasileiros que sim, é importante ter seu planejamento financeiro e que os resultados dependem do bom trabalho entre Planejador e cliente.

 

Oportunidade: As mudanças no Brasil estão fazendo as pessoas pensarem de outra forma sobre seu dinheiro.
Ao passo que a cultura ao longo dos anos não caminhou para que os brasileiros pensassem sobre seu dinheiro no longo prazo, as mudanças na economia nos últimos tempos fizeram com que as pessoas ganhassem mais consciência sobre seu relacionamento com o dinheiro e considerassem novos comportamentos financeiros.
As velhas instituições e seguranças do passado (como poupança, aposentadoria, seguro desemprego, entre outros) estão passando por mudanças e, aqui, o Planejador tem a chance de mostrar como um trabalho bem feito pode auxiliar neste novo cenário e nas mudanças que ainda estão por vir!

 

Desafio: “Planejamento Financeiro” é apenas para quem já tem dinheiro!

Existe uma crença muito forte de que os profissionais que fazem Planejamento Financeiro Pessoal só atendem ricos investidores. Assim, existe o desafio de desmistificar essa ideia mostrando que o Planejador Financeiro é para todos!

 

Oportunidade: Planejamento Financeiro é pra quem quer ter dinheiro!
Falar sobre dívidas, fluxo de caixa e gestão de risco também faz parte do trabalho do Planejador Financeiro. Melhor do que auxiliar quem já tem, é se sentir útil ajudando quem quer ter! O dinheiro faz parte da vida de todos e é por isso que o público potencial do Planejador é tão amplo! Afinal, quem no mundo não quer ter dinheiro sobrando, não é mesmo?

 

Desafio: Empreender no Brasil é difícil.

Nos últimos anos, temos visto um grande número de brasileiros sendo obrigados a empreender como alternativa à crise financeira e diminuição de empregos. É natural escutar de amigos e parentes sobre as dificuldades de se empreender. E eles estão certos! Ter o negócio próprio ou seguir uma carreira autônoma não é trivial.

 

Oportunidade: Fazer seu negócio dar certo pode ser seu primeiro case.
O mercado de Planejamento Financeiro é extremamente promissor justamente em épocas de crise e mudanças repentinas onde é necessário aprender a lidar com recursos escassos.
O Planejador Financeiro utiliza seu próprio exemplo para inspirar as pessoas ao redor. Este exemplo também deve vir do seu negócio. Ter clareza do seu modelo de negócio, estruturar bem as finanças e expectativas gera mais confiança e credibilidade para a sua carreira de Planejador.

 

Desafio: Brasileiro não tem o hábito de poupar

Quando olhamos para as estatísticas, não só vemos que somos um povo que não sabe guardar dinheiro para as emergências e para o futuro, como também percebemos que o comum é gastar mais do que se ganha, gerando endividamento exagerado na maior parte da população.

 

Oportunidade: As pessoas estão pensando mais no futuro.
Com a reforma da Previdência sendo discutida, o brasileiro começa a pensar: será que quando chegar a minha vez vai ter dinheiro lá?
O Planejador pode ajudar muito no planejamento de toda uma vida financeira que considere essa e outras questões para que o cliente consiga visualizar sua Independência Financeira a partir de suas próprias atitudes, sem depender do governo.

 

Os exemplos acima são amostras do amplo mercado que temos à nossa frente! Os desafios são muitos, mas cada um traz uma oportunidade igualmente notável. É um mercado necessário e que atrai cada vez mais profissionais que mudam a vida financeira de famílias e a forma como elas se relacionam com o dinheiro.

Saiba mais sobre como se tornar um Planejador Financeiro Independente, acesse: http://academiagfai.com.br/formacao2018/